Neo Tokyo
É com todo o prazer que damos as Boas Vindas a Neo Tokyo!

O fórum se passa em um mundo futurístico, cyberpunk, onde as grandes corporações e as máfias dominam todo o giro de capital.
Desde os altos arranha-céus da Cidade Alta até as ruas sujas e cheias de mendigos e doentes do Distrito 8, o mundo é dominado pelas modificações corporais e pelos implantes de aumento de habilidade, ou AUGS.

Desenvolva sei personagem, com suas habilidades e fraquezas e escolha seu local de moradia de acordo com seu passado e presente, e acima de tudo: divirtam-se!

Pulse Club

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ir em baixo

Pulse Club

Mensagem por Riza Nakano em Qua Dez 27, 2017 5:30 pm

Relembrando a primeira mensagem :




NEXUS
Future, today.
avatar
Riza Nakano
Chefe da Nexus
Chefe da Nexus

Mensagens : 131
Data de inscrição : 23/12/2017
Idade : 23
Localização : Nexus

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo


Re: Pulse Club

Mensagem por Queen of Hearts em Sex Jan 12, 2018 8:37 pm

- Está tudo bem... eu decidi acompanhá-los, afinal de contas. - ela deixou-se ser guiada novamente até o carro e sentou-se no banco do carona, apoiando seu braço no mesmo para olhar para trás, na direção de Atom. - Uran é sua irmã, certo?

Ela já ouvira muitas coisas, Raika processava rapidamente várias informações, não deixando nenhuma de lado. Todas poderiam levar a algum lugar, todas deveriam ser examinadas. Ela daria uma boa detetive, não fosse sua insistência em estar do lado contrário da lei. 

- Na zona residencial, é bem próximo do Pulse Club na verdade.


avatar
Queen of Hearts
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 30
Data de inscrição : 28/12/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Gesicht/Atom em Sex Jan 12, 2018 8:53 pm

- É sim. Ela está sempre se envolvendo em algo por causa dessa sensibilidade dela - Comentou Atom, com um pequeno sorriso. Era mais do que óbvio que ele gostava de sua irmã, mas parecia preocupado - Ela... encontrou o Pluto esses dias atrás. O assassino que estamos buscando. Ele estava em um corpo que não era dele e conversou com ela... ela disse que ele era alguém bom.

Era óbvio que até mesmo o tão doce Atom tinha dificuldade em acreditar que Pluto era um bom robô, uma vez que ele matara vários outros robôs e alguns diziam que até mesmo alguns humanos, por mais que os dois robôs que estavam ali se recusavam a acreditar nisso. Apesar de não terem rastros nas cenas de crime, um robô criado fora das diretrizes simplesmente não funcionava, logo ele deveria estar seguindo as Leis Robóticas.

- Muito bem, é para lá que vamos então - Disse Gesicht, começando a dirigir o carro até a zona residencial.


''Nothing can be born from hatred ''
avatar
Gesicht/Atom
Perdido
Perdido

Mensagens : 60
Data de inscrição : 28/12/2017
Idade : 31
Localização : Neo Tokyo

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Queen of Hearts em Sab Jan 13, 2018 8:52 pm

- Eu gostaria de conhecê-la, deve ser alguém interessante de conversar. - Raika estreitou os olhos e inclinou um pouco a cabeça, tentando assimilar aquela informação. - Um assassino de robôs que é alguém bom?

O caso de Pluto havia ido a público a pouco tempo, Raika vira algumas coisas sobre o assunto. Ela sabia que ela própria não era uma pessoa "boa", então dizer que outro assassino fosse bom era meio... estranho em sua cabeça.

- Sim, eu vou tentar guiá-los até lá, mas se você já sabe o caminho até o Clube é bem mais fácil.


avatar
Queen of Hearts
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 30
Data de inscrição : 28/12/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Gesicht/Atom em Sab Jan 13, 2018 9:09 pm

- Um dia eu posso apresentar você a ela! Tenho certeza de que ela vai adorar conhecê-la - Falou Atom, abrindo um enorme sorriso para Raika. Ele realmente lembrava muito uma criança - Eu... não entendi também. Mas ele tem algum tipo de tecnologia que faz com que plantas cresçam mais rapidamente, eles fez tantas e tantas flores desabrocharem em questão de segundos.


Essa informação não havia sido revelada. Pluto parecia ter um efeito para as plantas perto de si, talvez ele forçasse uma fotossíntese mais poderosa em cima delas, talvez ele as regenerasse de alguma maneira. No final das contas, apenas o criador de Pluto sabia como ele conseguia fazer o que fazia. Mas que era algo impressionante, isso era. E novo também. 

- Sim, estou indo para lá agora e... - Antes de que pudesse continuar, Atom agarrou-se no banco e seu rosto ficou entre os dois.

- Pare o carro - Assim que Atom falou isso, Gesicht puxou para o meio-fio e estacionou em uma vaga - Ele está vindo.

- Pluto? - Questionou Gesicht - Precisamos tirar a Raika daqui e chamar o exército.


- Ele não vêm atrás dela - Disse Atom, abrindo a porta do carro e descendo - Ele está atrás de mim.


Gesicht então notou o que Atom planejava fazer e abriu a porta de seu carro, mas antes que pudesse se aproximar do garoto, os pés dele se transformaram e fogo começou a sair deles, como se ele fosse um foguete. Atom levantou voo, indo para fora da cidade. Por estarem bem perto do limite, eles podiam ver na distância que um furacão aproximava-se. De onde ele surgira? Uma boa pergunta. Mas aquele era sempre o mesmo sinal. Pluto estava vindo. E Atom voava na direção dele, para garantir que aquele furacão não adentrasse na cidade e ferisse alguém. Gesicht estava conectado a Atom, podia ver o que ele via. 

- O que... é você? - Perguntou Atom, aproximando-se.

E quando ele aproximou-se do furacão, Gesicht viu a mesma coisa que vira quando Brando enfrentou aquele robô. Uma silhueta negra, enorme e de sua cabeça dois chifres se projetavam. A conexão piorou e logo Gesicht não podia ver mais nada.

- Atom! Atom, volte! - O braço de Gesicht se transformou de súbito, aparentando ser um canhão e ele apontou-o para o furacão que estava longe. Trata-se de uma miniatura de um canhão Gauss, um canhão feita de pura eletricidade. Normalmente era utilizada para eliminar carros e outros tipos de veículos, porém se atingisse o humano... o estrago seria enorme. Daquela distância, ele não podia fazer nada. E então, o furacão parou e algo veio voando na direção deles, caindo diretamente aos pés de Gesicht. Robôs não podiam chorar, mas Gesicht bem que queria. Ele ajoelhou-se e segurou-o em seus braços - Atom está morto.


''Nothing can be born from hatred ''
avatar
Gesicht/Atom
Perdido
Perdido

Mensagens : 60
Data de inscrição : 28/12/2017
Idade : 31
Localização : Neo Tokyo

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Queen of Hearts em Qua Jan 17, 2018 11:38 am

- Seria muito legal da sua parte. - ela parou para prestar atenção na explicação dele e coçou ligeiramente a cabeça. - Então ele é mau pra robôs e bom para o meio ambiente? Isso é bem aleatório...

Raika não teve medo quando Atom falara sobre Pluto estar por perto. Não havia razão para temer, pelo que percebera de toda a história ele só ia atrás de robôs. Ainda que "a criança" tivesse-a confundido com um, as vítimas também pareciam ser selecionadas por algum tipo de critério. 


Ela também não sentiu-se especialmente tocada pela morte do robô. Raika tinha problemas com sentimentos... ela não os possuía, ou melhor, não possuía a maior parte do senso comum em utilizá-los. Mas ela tinha de admitir que Atom fora um robô muito fofo. E que estaria em uma situação delicada se não agisse como um ser humano normal agiria. 


Então, ela pôs em mente cenas de alguns filmes que vira, assim como cenas reais onde pessoas lamentavam pelos seus entes queridos, e saiu do carro, ajoelhando-se em frente a Gesicht e o corpo vazio.

- Não pode ser... como? Tem de haver uma forma de trazê-lo de volta!

Lágrimas de crocodilo caiam pelos seus olhos, enquanto olhava para o robô que um dia fora o mais amado do mundo.


avatar
Queen of Hearts
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 30
Data de inscrição : 28/12/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Gesicht/Atom em Qua Jan 17, 2018 12:37 pm

- Eu não entendo o porquê de ele estar atacando os outros robôs...


As duvidas de Atom provavelmente não seriam respondidas para ele. Gesicht não tinha foco em Raika naquele momento, apenas no pequeno corpo de Atom em seus braços. Ele o conhecera a pouco tempo, mas já considerava aquele robô como um enorme e precioso amigo. E agora estava morto. A mente de Gesicht estava trabalhando, enquanto Raika fazia sua  cena para o vento. Deveria ser possível salvar Atom, ele era um dos robôs mais famosos do mundo, mas não havia uma pessoa sequer que conhecia a parte interna dele como seu criador, o Doutor Umataro Tenma. Porém, ele havia sumido da face da Terra, ninguém nunca mais o vira. 

- O doutor Ochanomizu - Murmurou Gesicht, erguendo o corpo de Atom - Raika, entre no carro, preciso levar Atom até o Ministro da Ciência.


''Nothing can be born from hatred ''
avatar
Gesicht/Atom
Perdido
Perdido

Mensagens : 60
Data de inscrição : 28/12/2017
Idade : 31
Localização : Neo Tokyo

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Queen of Hearts em Dom Jan 21, 2018 8:55 pm

- Sim... sim, vamos até ele.


A garota rapidamente retornou ao carro, os olhos pregados no detetive enquanto ele voltava ao veículo e dispunha o robô ali dentro. Sua preocupação parecia genuína, mas era apenas uma fachada cuidadosamente erguida.

- Ele poderá fazer algo por Atom?


avatar
Queen of Hearts
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 30
Data de inscrição : 28/12/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Gesicht/Atom em Seg Jan 22, 2018 8:46 pm

- Se ele não conseguir, ninguém consegue.

Gesicht deixou o corpo de Atom dentro do carro e acelerou. Quebrando incontáveis leis no processo, mas chegando rapidamente ao prédio do Ministério da Ciência, um arranha-céus enorme, que precisava deste tamanho devido aos mais variados laboratórios que estavam dentro dele. Ele desceu do carro, correndo e carregando Atom, certamente sendo acompanhado por Raika. Ao aparecer do lado de dentro foi imediatamente reconhecido. Havia um homem japonês ali, baixinho e um tanto redondo, com pequenos tufos de cabelos brancos deixando os lados de sua cabeça.


- Gesicht! O que aconteceu? - Questionou o Doutor Ochanomizu. Raika o conheceria, era difícil não conhecer o Ministro da Ciência.

- Pluto - Apenas um nome, explicou tudo - Há algo que podemos fazer?

Ochanomizu pegou o pequeno corpo robótico de Atom e correu para dentro da construção. Assim que Raika se aproximasse, ela poderia sentir uma outra presença atrás dela. Uma presença... triste.

- Você é a criação de Hoffmann, não é? - Questionou o homem. Este que também era facilmente reconhecido. Doutor Umataro Tenma, criador de Atom. Ele olhou para Raika, sua expressão curiosa - E você? Que tipo de robô é?

Doutor Ochanomizu:

Doutor Tenma:


''Nothing can be born from hatred ''
avatar
Gesicht/Atom
Perdido
Perdido

Mensagens : 60
Data de inscrição : 28/12/2017
Idade : 31
Localização : Neo Tokyo

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Queen of Hearts em Seg Jan 22, 2018 10:03 pm

Raika apenas ficou em silêncio por todo o caminho, seus olhos voltando-se ora pra Gesiht, ora para a carcaça vazia de Atom. Ela perguntava-se mentalmente se era realmente possível que aquela criança pudesse ser trazida de volta. 
Algo lhe dizia que não.
E Raika possuía um instinto muito forte, embora tivesse muito pouco de humana nela.


Enquanto corria atrás do investigador, já no prédio do Ministério da Ciência, ela ia organizando sua mente. Para agir como uma humana. Ou o mais próximo que poderia ser de uma. 
Ela só parou ao encontrar os dois homens. O segundo, que dirigiu-se especificamente para ela, chamando sua atenção assim que sentira a presença do homem, fez com que sua cabeça virasse em sua direção.

- Eu não sou um robô. Mas me chamo Raika. E você... é o criador daquela criança, não é?


avatar
Queen of Hearts
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 30
Data de inscrição : 28/12/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Gesicht/Atom em Ter Jan 23, 2018 9:49 am

- Não é uma robô? Estranho, seus olhos são mortos como os de uma máquina - Disse Tenma, passando por ela, indo em direção aos detectores de metais que levavam para dentro da construção, mas antes que pudesse passar, um dos seguranças estendeu sua mão, impedindo que Tenma passasse.

- Deixe que ele entre - Ecoou a voz de Ochanomizu, conforme ele se aproximava. Pela sua expressão, não havia nada que eles pudessem fazer por Atom - Tenho certeza de que o antigo Ministro da Ciência veio salvar seu filho.


- Meu filho está enterrado, Ochanomizu - Disse Tenma, conforme ele passava tranquilamente para o lado de dentro - E salvar? Não, eu vim me despedir de Atom.

Ele caminhou para dentro da construção em completo e total silêncio, conforme Ochanomizu o observava, descrente. O velho voltou-se para os dois que estavam ali e sua expressão não era nada boa.

- Não há nada que possamos fazer por Atom, os danos internos foram grandes demais - Disse o Ministro da Ciência.


''Nothing can be born from hatred ''
avatar
Gesicht/Atom
Perdido
Perdido

Mensagens : 60
Data de inscrição : 28/12/2017
Idade : 31
Localização : Neo Tokyo

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Queen of Hearts em Qui Jan 25, 2018 1:20 pm

- É o que vivem me dizendo, muito embora a maioria das pessoas que falem isso estão mortas por dentro a tempos.

Raika teria sorrido com satisfação, não fosse aquela situação delicada. Ela permanecia parada do lado de fora, os braços cruzados, esperando por uma resposta, caso aquele pequeno robô pudesse ser salvo. Coisa que não ocorreria.

- Vocês não podem simplesmente migrar a I.A dele para um corpo novo? Vocês são os maiores especialistas em robótica que existem e não conseguem fazer absolutamente nada?


avatar
Queen of Hearts
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 30
Data de inscrição : 28/12/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Gesicht/Atom em Qui Jan 25, 2018 10:25 pm

- Ah, é mesmo? Não que seja necessário um morto para reconhecer outro, mas suponho que um cadáver que anda e fala consiga reconhecer um igual com mais facilidade - Disse Tenma, dando de ombros.

Gesicht não entendia muito bem os motivos  das palavras trocadas por Raika e Umataro Tenma, normalmente é preciso ter emoção para sentir os sentidos que eram colocados naquelas palavras. Raika poderia notar que Tenma não sabia sobre o que ela fazia, mas que conseguia compreender o que ela era. Aquele teatro dela, por melhor que fosse, não havia enganado aquele homem. Ele era o antigo Ministro da Ciência e o criador da melhor inteligência artificial já vista no mundo. Era apenas natural que ele soubesse muito sobre como seres humanos eram e agiam.

- Isso poderia ser feito, não fosse algo corrompendo a I.A de Atom - Explicou Ochanomizu - Se removermos a I.A dele, ela será completamente dizimada. Só podemos retirar o Chip de Memória dele, mas não são somente memórias que compõem uma I.A, é bem mais complexo que isso.

Atrás dele, um cientista vinha correndo. Ele parou, precisando segurar seus joelhos enquanto arfava, completamente esbaforido.

- Doutor Ochanomizu, o Doutor Tenma se trancou dentro da sala do Atom e está realizando uma operação na I.A dele! - Alertou o cientista, e tudo o que Ochanomizu fez foi abrir um sorriso.

- Ele está tentando ressuscitar o Atom, se tem alguém que consegue, esse alguém é ele - Falou o atual Ministro da Ciência.


''Nothing can be born from hatred ''
avatar
Gesicht/Atom
Perdido
Perdido

Mensagens : 60
Data de inscrição : 28/12/2017
Idade : 31
Localização : Neo Tokyo

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Queen of Hearts em Seg Jan 29, 2018 11:03 am

- Existem muitos tipos de cadáveres. - um sorriso maníaco cruzou o rosto dela por um curto período de tempo. Tão curto que ninguém veria. Suas íris estranhas brilharam também, refletindo um traço de loucura que havia ali.


Que tipo é você?

Ela colocou ambas as mãos nos bolsos do casaco que usava por cima do uniforme colegial e sua expressão tornou-se novamente preocupada. Ou o máximo de preocupada que poderia mostrar, pelo menos.

- É bastante complexo, então... - ela piscou lentamente os olhos, sua atenção voltada para a porta. - Tomara que ele consiga fazer algo.


avatar
Queen of Hearts
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 30
Data de inscrição : 28/12/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Gesicht/Atom em Seg Jan 29, 2018 11:56 am

Umataro Tenma não respondeu essa última frase de Raika, uma vez que já havia se afastado. Gesicht continuava sem entender o que acontecia, mas sua preocupação pelo estado de Atom o impedia de prestar muita atenção nos jogos de palavras que aconteciam entre Raika e o criador de Atom. Passadas duas horas, onde Gesicht saiu para comprar um café para Raika, Umataro Tenma voltou a aparecer.


Ele parecia estar cansado e Ochanomizu foi correndo até ele.

- Eu criei a I.A perfeita. Pela segunda vez - Foi tudo o que Tenma falou, antes de deixar-se cair no sofá - Oito bilhões de personalidades, todas condensadas em uma única Inteligência Artificial. Da primeira vez que eu fiz isso, o robô não acordou. Na verdade, ele se recusou a acordar. Eram tantas personalidades, que ele não sabia qual assumir.

- Mas... você conseguiu acordá-lo, não é? - Questionou Ochanomizu.

- Eu precisei dar algo ao robô, para que ele acordasse. Emoções extremas foram inseridas, para controlar aquele caos. E ele acordou - Explicou Tenma.

- Emoções... mas isso vai contra a lei! - Exclamou o Ministro - Onde está esse robô agora?

- Não sei. Provavelmente com o comprador - Disse Tenma - A não ser que consigamos uma boa dose de emoções para inserir nele, Atom vai acordar depois de incontáveis anos.


''Nothing can be born from hatred ''
avatar
Gesicht/Atom
Perdido
Perdido

Mensagens : 60
Data de inscrição : 28/12/2017
Idade : 31
Localização : Neo Tokyo

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Queen of Hearts em Sex Fev 02, 2018 9:40 pm

- Porém... - Raika disse, após um momento inteiro de silêncio em que esperava o tal Doutor Tenma retornar do que poderia ser a salvação de Atom. Ou era o que parecia.


Quando o homem voltou para perto deles com as notícias, ficou óbvio que ele falhara. Afinal ninguém iria quebrar as regras para dar emoções a um robô, não importava o quão querido ele fosse.

-... Robôs com emoções não são permitidos. Significa que ele não acordará nunca mais?


avatar
Queen of Hearts
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 30
Data de inscrição : 28/12/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Gesicht/Atom em Dom Fev 04, 2018 9:48 am

- Como eu disse, precisamos de emoções extremas para inserir nele. E essas não se compram em qualquer loja de esquina - Explicou Tenma, aceitando o refrigerante que Ochanomizu trouxera para ele - E mesmo que consigamos emoções em um chip de memória, elas precisam ser fortes o suficiente, caso contrário não irá funcionar.


Por mais que houvessem humanos com chips de memória, eles funcionavam de maneira diferente dos robôs. Um chip de memória humano era algo experimental ainda, que era usado para transferir uma consciência humana para um corpo robótico e ainda assim haviam certos riscos, como perda de memória quando esta fosse transferida para o chip. A I.A de um robô não pertence ao cérebro positrônico, algo que faz a conexão com o chip de memória onde certas coisas ficam armazenadas, mas não tudo. É algo como um backup de coisas importantes. No geral, a situação para Atom não era nada boa.

- Sem falar que, dependendo da emoção utilizada, isso pode alterar a personalidade dele de alguma maneira. Precisaríamos de algo como um enorme amor incondicional por alguém - Falou Umataro - Ou de raiva. Muita raiva. As outras emoções demorariam demais para agir e programar uma emoção não é algo simples. 


''Nothing can be born from hatred ''
avatar
Gesicht/Atom
Perdido
Perdido

Mensagens : 60
Data de inscrição : 28/12/2017
Idade : 31
Localização : Neo Tokyo

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Queen of Hearts em Ter Fev 06, 2018 8:49 am

- E isso continua significando que é algo praticamente inútil, se não há forma de fazê-lo acordar.

Raika fez uma careta de desgosto, que poderia ser relacionada a situação em que Atom se encontrava, se ela realmente estivesse preocupada com isso. Na verdade, ela parecia mais decepcionada com a incapacidade humana de resolver coisas tão simples. Se precisavam de emoções, era só da-las, pelo menos em sua cabeça. Não era como se aquelas pessoas não tivessem dinheiro para arcar com o absurdo que era conseguir emoções para serem usadas nele, ou que não tivessem genialidade suficiente para fazê-lo.

- Se fez uma vez, o que impede de fazer de novo? Deve haver alguém que ame incondicionalmente para oferecer tal emoção, aliás, vemos isso em muitos lugares.

Na verdade, ela preferia a raiva, essa era ainda mais frequente e uma emoção muito melhor que o amor. Entretanto, é claro, aquela menina não podia dizer aqui levianamente. Não naquele lugar, com aquelas pessoas.


avatar
Queen of Hearts
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 30
Data de inscrição : 28/12/2017

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Gesicht/Atom em Qua Fev 07, 2018 5:23 pm

- Por mais que existam pessoas com implantes neurais que nos permitam acessar as emoções delas, retirá-las é um assunto completamente diferente. Além de isso danificar o cérebro da pessoa, a emoção em si pode sair incompleta. E humanos não abrem a mão de suas emoções dessa maneira - Explicou Tenma - Sem falar que, uma emoção humana não iria servir direito para isso.

Um silêncio marcou o local, o que Umataro estava deixando no ar era óbvio. Se uma emoção humana não adiantava, uma emoção robótica bastaria. Mas robôs não possuíam emoções, eram apenas capazes de imitá-las. Havia Brau-1589, mas era dito que a I.A dele era instável demais para que qualquer informação fosse retirada e seu chip de memória poderia apenas piorar o caso de Atom ao invés de ajudá-lo.

- E quanto ao robô que o senhor criou? - Perguntou Gesicht - O qual você injetou com emoções?

- Eu o criei quatro anos atrás, durante a Guerra da Eurásia - Informou Umataro - Ele foi criado e, até onde eu sei, estava na China.

Pelo o que parecia, não havia mais esperança ali. Vários e vários robôs haviam sido destruídos durante a Guerra da Eurásia, e as chances de aquele ter sido um deles era alta. Tenma ergueu-se, tendo terminado seu café, e retirou-se do local, deixando claro que ele havia feito tudo o que podia. Tenma era uma das maiores mentas quando o assunto era I.A, e se até mesmo ele havia desistido, haviam poucas chances. Era preciso que um robô voltasse a possuir emoções para salvar Atom.


''Nothing can be born from hatred ''
avatar
Gesicht/Atom
Perdido
Perdido

Mensagens : 60
Data de inscrição : 28/12/2017
Idade : 31
Localização : Neo Tokyo

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Pulse Club

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum