Neo Tokyo
É com todo o prazer que damos as Boas Vindas a Neo Tokyo!

O fórum se passa em um mundo futurístico, cyberpunk, onde as grandes corporações e as máfias dominam todo o giro de capital.
Desde os altos arranha-céus da Cidade Alta até as ruas sujas e cheias de mendigos e doentes do Distrito 8, o mundo é dominado pelas modificações corporais e pelos implantes de aumento de habilidade, ou AUGS.

Desenvolva sei personagem, com suas habilidades e fraquezas e escolha seu local de moradia de acordo com seu passado e presente, e acima de tudo: divirtam-se!

O Cérebro Vazante

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ir em baixo

O Cérebro Vazante

Mensagem por Riza Nakano em Qua Dez 27, 2017 5:20 pm




NEXUS
Future, today.
avatar
Riza Nakano
Chefe da Nexus
Chefe da Nexus

Mensagens : 131
Data de inscrição : 23/12/2017
Idade : 23
Localização : Nexus

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Ozob em Sab Dez 30, 2017 3:53 pm

Do lado de fora, uma moto parava. Uma cujo dono era extremamente conhecido naquela região. As botas dele bateram contra o chão, conforme ele desligava o veículo e saltava para fora. Ozob era uma visão única. Ele era albino, com um cabelo vermelho saindo do lado de seu rosto. E ele possuía uma granada no lugar do nariz. Verdade seja dita, só existia uma visão igual a de Ozob. Ele sendo um replicante, um humano criado em um laboratório para ser superior em todos os sentidos, conhecia outros que tinham uma aparência parecida. O caso mais grotesco era do Patati-Patatá. Um replicante siamês, feito a imagem dos antigos palhaços brasileiros. Do outro lado, parava um enorme Humvee moderno e dele descia um homem de aparência comum. Não era possível descrevê-lo perfeitamente, pois ele era uma mistura de todos os homens possíveis. 

Este era o holograma de disfarce do Androide NDR, um verdadeiro monstro de Frankenstein da ciência. Por mais que ainda respondesse pelo seu nome de fábrica, ou por Andrew, ele juntara vários pedaços de outros robôs mais avançados. Antes de começar a caminhar, outro homem desceu do carro, fazendo com que ele subisse, uma vez que o peso era tanto que nem mesmo a suspensão avançada do carro conseguia mantê-lo intacto. Steve T. Durden era um ex-membro do exército, tendo participado de várias missões black ops ao longo dos anos. Não era possível ver seu rosto, pois ele estava dentro de uma avançada armadura de combate.

- Nunca vi um cara mais inseguro - Falou Ozob, para Andrew enquanto olhava para Steve que se aproximava - Tira essa porra daí cara, não precisa disso tudo não.

- É bom estar sempre preparado, Ozob - Respondeu Steve, aquela era uma discussão antiga entre os dois.

- Tu é babaca cara! - Gritou o replicante, dando de dedo na cara, ou melhor dizendo, capacete de Durden - Porra 'mermão', aqui só tem gente de bem!

- Senhores, o resto do grupo já está chegando - Falou Andrew, sua voz refletindo um imenso cansaço - Vamos nos controlar, sim?



Alô criançada

Theme:
avatar
Ozob
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 23
Data de inscrição : 23/12/2017

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Oleg Korolenko em Sab Dez 30, 2017 4:21 pm

Já dentro do Cérebro Vazante, Oleg degustava uma Stolichnaya pura enquanto observava uma dançarina robô Lolita. Um belíssimo rifle sniper de última geração cruzava suas costas, e ele passou uma mão pela cabeça nua porém coberta de tatuagens, deixando que ela deslizasse para sua barba farta e escura. 

A Lolita se virou para ele, piscou um dos olhos mecânicos e disse algo em japonês, tentando parecer doce e meiga, porém uma falha em seu discurso e suas expressões só deu um ar macabro a tudo. 

- Parrrrece que eu ainda prrreciso beber mais. - ele disse, em seu tom monótono, pedindo ao garçom mais uma dose. 

Do lado de fora, estacionando um carro preto da nova geração da Audi, e um homem de aparência elegante, vestindo um terno verde escuro desceu. Ele abotoou o botão do meio do paletó e ajeitou os óculos redondos. Uma barba bem aparada e um chapéu coco também compunham o visual. O Dr. Angus Santana fez um aceno aos outros com a cabeça enquanto um último homem descia do carro. 

Seu nome era Rexus. James Rexus, e ele era o cara mais GATO que havia ali. Com um sorriso convencido. Ele ajeitou as mangas do paletó, fazendo os botões neon brilharem. Passou uma mão pelos cabelos penteados elegantemente e o sorriso se alargou. 

- Senhores, boa noite. - Rexus disse. 

- Boa noite. - Silvana também cumprimentou. - Oleg disse que já está lá dentro.




All cats are grey in the dark. 
avatar
Oleg Korolenko
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 22
Data de inscrição : 30/12/2017
Localização : Longe demais pra você ver.

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Ozob em Sab Dez 30, 2017 4:35 pm

Ozob observou conforme Angus e Rexus se aproximavam, murmurando um '' babaca '' assim que seus olhos pousaram no companheiro de equipe. Por fim, entraram no local com Andrew liderando o grupo até a posição de de Oleg. Aproximando-se do sniper russo, Ozob deu um tapa nas costas dele, para em seguida fazer o cumprimento, um tapa, um soco seguido por uma explosão de mão, feito por Ozob.

- Oleg, Oleg, nem pra me avisar que já tava aqui - Ele falou, sentando-se ao lado do Sniper e erguendo o seu dedo indicador, para o barman - Vocês sabem que hoje é meu aniversário né? Só tenho mais seis meses de vida. Então hoje eu quero um Drink do Inferno.

- Você sabe que você não aguenta bem, Ozob - Falou o barman

- Ah para com isso, porra. Na frente da galera não - Disse o replicante, com um leve sorriso no rosto. Durden não sentou-se, ficando em pé atrás do grupo. Uma verdadeira muralha ambulante. Já Andrew apenas alocou-se em uma das cadeiras, optando por não beber nada.

- Então, cavalheiros. Por que estamos reunidos, e por que aqui? - Questionou Andrew.



Alô criançada

Theme:
avatar
Ozob
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 23
Data de inscrição : 23/12/2017

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Oleg Korolenko em Ter Jan 02, 2018 12:53 pm

O rosto de Oleg se virou, desviando-se da robô Lolita assim que ouviu o caminhar robótico de Andrew. Ele ergueu seu copo de vodka para os amigos, cumprimentando-os e retribuiu o toquinho de Ozob. 

- Não comprrrei nada para você. Mas posso pagarrr suas bebidas. 

Rexus se aproximou do balcão e ia pedir uma boa taça de champanhe Dom Pérignon, mas ao ver que as bebidas saiam dos dedos do robô, desistiu. 

O doutor Silvana se sentou ali também e virou-se quando ouviu a pergunta do androide, enquanto esperava seu drink. 

- Temos um trabalho. Nosso contratante deve chegar em breve pra especificar as condições e o alvo. 

-Mas precisava ser aqui? - Rexus reclamou - Da próxima vez podiam marcar no Vortex Club ou algo assim. Aliás eu espero que ele não demore. Eu tenho uma festa pra ir.




All cats are grey in the dark. 
avatar
Oleg Korolenko
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 22
Data de inscrição : 30/12/2017
Localização : Longe demais pra você ver.

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Ozob em Ter Jan 02, 2018 1:41 pm

- Precisava ser aqui... - Murmurou Ozob, batendo o copo, agora vazio, no balcão do bar e apontando o dedo para Rexus - Tu é babaca cara! Porra mermão, tu... caralho! Tu é muito babaca cara!

- Cavalheiros, se acalmem - Interviu Andrew, enquanto Durden dava uma leve risada.

Era sempre assim com aqueles dois, xingamentos e brigas constantes. Era uma verdadeira surpresa que aquele grupo funcionasse, tendo um membro tão volátil como Ozob. O palhaço replicante não era só um especialista em explosivos, ele era um explosivo em si. Sua personalidade era uma que atraía a atenção de todos, assim como sua aparência, devido ao fato de ele estar sempre falando alto, xingando e gritando. Por mais que pudesse se mostrar sendo uma pessoa boa, era um fato: Na Cidade Baixa, se você não amava o Ozob, você o odiava.

- Falta muito para ele chegar? - Perguntou Durden, fazendo uma voz de criança gerando uma risada de Ozob.



Alô criançada

Theme:
avatar
Ozob
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 23
Data de inscrição : 23/12/2017

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Oleg Korolenko em Qui Jan 04, 2018 10:31 am

- Não, ele já deve estar chegando. - Tão logo o Doutor Silvana terminou de falar, um homem de estatura baixa ladeado por dois grandalhões entrou no bar, e sua atenção foi direto para o palhaço Albino. Olhando para os outros que o acompanhavam, o homem se aproximou, preferindo estender a mão a Silvana. 

Ele se apresentou como Klint Wagner, e pediu que todos o seguissem até uma sala privativa cedida pelo dono do bar. Assim que as portas se fecharam ele se apresentou melhor. 

Klint Wagner era um alpinista social. Nascido e criado na Cidade Baixa, ele havia conseguido tudo o que tem com muito esforço e à base de muita tortura, ameaças, chantagem e assassinatos. Vocês sabem, o de praxe. As grandes companhias tem tudo na mão: tecnologia, pessoal qualificado, boas instalações... já os que tentam se erguer do zero precisam tomar desvios, atalhos, caminhos muitas vezes mais longos para conseguirem o que querem. 

- O ponto é o seguinte: eu preciso de duas caixas de microchips que serão fretadas da Zona Industrial até a Cidade Alta de Neo Tokyo. Mas é claro que esses nao são chips quaisquer. Eles estão sendo guardados por centenas de robôs-sentinela, e transportados em um frete blindado e protegido por uma senha que apenas uma pessoa possui: o chefe do Santa Madre Cassino. 

Silvana soltou um “Xiiii...” preocupado e Wagner ergueu uma mão. 

- Eu sei, Eu sei. Mexer com máfias nunca é algo inteligente, mas o chefe do Cassino nao está no seu melhor com O Patriarca. 

O Patriarca era como chamavam Rotti Gattile, o chefe absoluto de todas as operações da máfia italiana. 

- Tudo que vocês precisam fazer é conseguir a senha com ele. É claro que não vai estar anotada em um papel. Uma senha de um pacote importante desses está embutido diretamente na mente do dono do cassino. Como vocês vão conseguir fazer isso eu não sei. Só digo que o pacote sairá da Zona Industrial dentro de 24 horas, e que o pagamento adiantado já foi feito. As Unidades estão na conta de vocês. 

Rexus ainda perguntou algumas coisas pertinentes ao dono do cassino. Ele era um frequentador, e por isso o conhecia de vista. Já Silvana estava mais preocupado com a extração da informação. 

- Se a gente quiser ver isso feito, já tem que começar imediatamente.




All cats are grey in the dark. 
avatar
Oleg Korolenko
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 22
Data de inscrição : 30/12/2017
Localização : Longe demais pra você ver.

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Ozob em Qui Jan 04, 2018 11:18 am

- Puta merda - Murmurou Ozob ao ouvir falar do chefe do cassino.

Ozob já tivera alguns pequenos problemas com as máfias, principalmente por explodir alguns pontos de venda deles quando estava bêbado. Não o suficiente para ficarem vigiando ele, por medo de ser alguém anti-máfia, mas era o suficiente para ele ser investigado e ser conhecido entre os membros de todas as máfias da cidade. No geral, parecia um trabalho um tanto simples. Andrew, por sua vez, tinha uma pergunta sobre os robôs-sentinela. Com o nascimento da Inteligência Artificial, muitos robôs ganharam sua liberdade, enquanto outros continuavam a agir como simples máquinas de trabalho. Um robô com uma Inteligência Artificial não podia ser hackeado.

- Esses robôs possuem Inteligência Artificial? Ou são simples escravos? - Questionou Andrew.

- Calma, pera lá. Já? Gente, vocês tão malucos. Eu só tô com a chave do meu cafofo aqui, vamos pegar umas horas para se preparar - Falou Ozob.



Alô criançada

Theme:
avatar
Ozob
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 23
Data de inscrição : 23/12/2017

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Oleg Korolenko em Qui Jan 04, 2018 12:43 pm

- Eles são robôs-soldados. Tem inteligência artificial, ainda que não seja extremamente avançada. O ideal seria uma infiltração furtiva, eu creio. - Wagner disse 

Rexus revirou os olhos com o comentário de Ozob. 

- É claro que ele não quis dizer imediatamente assim né Ozob! 

Oleg, que se mantivera em silêncio até então, terminou sua Stolichnaya e se levantou. 

- Prrrrecisamos de um copiador de mentes. 

- Sim, mas onde vamos conseguir um? - Silvana ficou pensativo.




All cats are grey in the dark. 
avatar
Oleg Korolenko
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 22
Data de inscrição : 30/12/2017
Localização : Longe demais pra você ver.

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Ozob em Qui Jan 04, 2018 1:06 pm

- É. Isso complica as coisas - Falou Andrew.

Ozob, por sua vez, ergueu o dedo do meio para Rexus e em seguida voltou sua atenção para o que o resto do grupo falava. Abrindo um sorriso confiante, ele ficou de pé e bateu no próprio peito, com o punho fechado. A Cidade Baixa era a casa de Ozob e todas as pessoas que moravam ali o conheciam, ou pelo menos haviam ouvido falar dele. Até porque, é meio difícil não saber que tem um palhaço albino com uma granada no lugar do nariz sendo seu vizinho. O replicante voltou seus olhos para Oleg.

- Seguinte, eu sei onde arranjar um troço desses. Tem um comparsa meu que vende esses tipos de coisa - Falou Ozob, então voltando seu olhar para Oleg - Eu arranjo isso, vocês copiam a mente do babaca lá e aí roubamos a boneca das emoções. Os robôs não vão ser nada.



Alô criançada

Theme:
avatar
Ozob
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 23
Data de inscrição : 23/12/2017

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Oleg Korolenko em Qui Jan 04, 2018 6:31 pm

Klint revirou os olhos. 

- Façam como quiserem, mas façam. Quem vai assinar pelo grupo? 

Ele estendeu um PDA diferenciado e uma caneta eletrônica para o mais próximo, que era Durden. Em seguida ele e seus dois capangas deixaram o local, deixando que o esquadrão decidisse a melhor forma de proceder. 

- Boneca das Emoções? WTF... - Rexus perguntou, cruzando os braços. - Whatever. Mas como a gente vai copiar a mente do cara? Isso demora dias pra ser feito! 

O doutor Silvana já havia aberto seu PDA e trabalhava para descobrir a melhor forma de copiar a mente dele o suficiente pra que tivessem acesso à senha. 

- Se a gente pudesse ter acesso a ele enquanto dorme poderia ser mais fácil. Isso e o fato de que não vamos copiar tudo. Precisamos sequestrar o cara sem deixar suspeitas pra ter tempo de fazer o que a gente precisa. Andrew, lembra dos Ladrões de Sonhos? 

Ele perguntou ao androide. Ele se referia a um grupo de assaltantes que usavam a tecnologia para se infiltrar nos sonhos das pessoas e roubar informações preciosas. A história era tão incrível que hoje eles eram considerados lendas urbanas, e a tecnologia havia sido perdida. 

Oleg cutucou o amigo palhaço e falou baixo: 
- Ozob, você acha que consegue arrrrumar algo assim? Se sim, poderrriamos usá-las parrra espionar os sonhos de qualquer um.




All cats are grey in the dark. 
avatar
Oleg Korolenko
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 22
Data de inscrição : 30/12/2017
Localização : Longe demais pra você ver.

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Ozob em Qui Jan 04, 2018 6:44 pm

Durden pegou a caneta e assinou seu nome no PDA, olhando para Klint um tanto quanto desconfiado. Eram poucas pessoas que contratavam mercenários como eles e ainda por cima queriam algo por escrito, algo que poderia ser usado contra eles caso o esquadrão falhasse e abrisse a boca. Algo que não aconteceria, é claro. Pois como o próprio Ozob falava: '' Um grupo de mercenários experientes como nós não caem em missão, porra ''.

- Lembro, lembro - Falou Andrew, suas mãos se juntando. Ele lembrava-se bem dos Ladrões de Sonhos

- Você nunca ouviu falar da Boneca das Emoções? - Perguntou Ozob, olhando para Rexus. Ele nem o insultara, estava realmente surpreso. Então, voltando seus olhos para Oleg ele novamente abriu um sorriso - Se esse meu parceiro não tem, ninguém mais tem.

Dito isso, ele apontou para o lado de fora do bar, indicando que já estava na hora de ir encontrar esse contato do Ozob que teria a tal tecnologia. Era um tiro no escuro, esse contato poderia não ter a tecnologia e eles teriam que voltar a estaca zero e buscar uma maneira diferente e mais longa de copiar a mente do homem para poder realizar aquele roubo.



Alô criançada

Theme:
avatar
Ozob
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 23
Data de inscrição : 23/12/2017

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Oleg Korolenko em Qui Jan 04, 2018 6:59 pm

- Então vamos atrrrrás do seu contato. - Oleg falou, já abrindo a porta. 

- Boneca das Emoções, que porra é essa? É uma daquelas bonecas da Vendetta Co.? - Rexus perguntou. - Eu não conheço esse tipo de coisa. Só pego mulheres de verdade. 

Ele ofereceu um sorriso convencido, acompanhando os outros para fora. 

Silvana continuava com os olhos no PDA, mas acompanhou os outros. Era de extrema importância que ele, como médico, estivesse preocupado com tornar essa lenda realidade. Ele calculava todos os químicos que precisaria para fazer o que precisavam depois de sequestrar o homem, e já enviava as lista se para seus empregados.




All cats are grey in the dark. 
avatar
Oleg Korolenko
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 22
Data de inscrição : 30/12/2017
Localização : Longe demais pra você ver.

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Ozob em Qui Jan 04, 2018 7:16 pm

- Só segue a moto - Falou Ozob, deixando o bar, e então virando-se para olhar Rexus - Seguinte, Babaca, a Boneca das Emoções é o que o nome diz, porra. Uma Boneca com Emoções. Quando você abraça ela, você recebe todas as emoções. Se preocupe em manter teus 7 centímetros dentro da calça e não me torra a paciência!

Quando a conversa era entre Rexus e Ozob, o resultado era sempre o mesmo. Ambos acabavam provocando e xingando ao outro, normalmente resultando em alguma ação maluca da parte de Ozob, como colocar uma granada no paletó do amigo, ou algo do tipo. Eram inúmeras as vezes que Ozob puxara o pino da granada de seu nariz e mandara Rexus '' Dar uma bitoca '' na mesma. É claro que o outro nunca o fazia, porém a provocação sempre ficava, pois todos sabiam que de todas as granadas de Ozob, as que iam em seu nariz eram as mais potentes.

Cada um estando em seu respectivo veículo, Ozob acelerou sua moto pelas ruas da Cidade Baixa, levando seus companheiros diretamente ao lar de seu amigo contrabandista de tecnologias. Se havia um homem que possuía aquele tipo de tecnologia, este era Data. Chegando na frente do local, Ozob estacionou a moto e virou-se para seus amigos, conforme estes desciam de seus respectivos veículos.

- Seguinte, deixa eu falar com ele porque ele é desconfiadão.



Alô criançada

Theme:
avatar
Ozob
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 23
Data de inscrição : 23/12/2017

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Oleg Korolenko em Qui Jan 04, 2018 7:25 pm

Rexus suspirou e balançou a cabeça antes de seguir os outros para o carro 

Ao chegar lá e ouvir o pedido do palhaço, os três esperaram a alguma distância da porta, esperando que Ozob fizesse o primeiro contato.




All cats are grey in the dark. 
avatar
Oleg Korolenko
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 22
Data de inscrição : 30/12/2017
Localização : Longe demais pra você ver.

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Ozob em Qui Jan 04, 2018 7:32 pm

Ozob aproximou-se da porta e apertou o interfone que havia na parede. Ele esperou alguns minutos e o apertou novamente, desta vez por mais tempo. Esperou mais um pouco e nada. Ozob começou a apertar o interfone rapidamente, como uma criança que aperta o botão do elevador achando que este vai descer mais rapidamente. Por fim, uma imagem apareceu na tela do interfone, era um japonês de mais ou menos uns 42 anos de idade, de cabelos negros curtos e olhos igualmente negros, ele também utilizava óculos.

Data:

- Data, abre essa porra - Falou Ozob, claramente sem paciência - Eu e o resto do esquadrão precisamos de um equipamento.

- Porra, pera - Ouviu-se um estalido e a porta destrancou-se, com Ozob abrindo-a revelando uma casa extremamente simples.

- Bora - Falou Ozob.



Alô criançada

Theme:
avatar
Ozob
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 23
Data de inscrição : 23/12/2017

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Oleg Korolenko em Dom Jan 07, 2018 1:33 pm

Logo depois de Ozob, Durden e Andrew, Oleg, Silvana e Rexus entraram em seguida, observando o local com curiosidade. 

- Quem e esse cara, Ozob? — Rexus perguntou.




All cats are grey in the dark. 
avatar
Oleg Korolenko
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 22
Data de inscrição : 30/12/2017
Localização : Longe demais pra você ver.

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Ozob em Dom Jan 07, 2018 5:10 pm

- Esse é o Data e o Data é foda parceiro - Falou Ozob.

- O que você quer dessa vez? - Data perguntou, cruzando seus braços - Da última vez você veio aqui e me perguntou se uma Stielhandgranate funcionava como uma baqueta.

- E funciona! - Ozob falou, meio que rindo no processo - Precisamos de algo para entrar no sonho do cara. Tipo aquele filme antigaço, Inception.

- Puta merda - Murmurou Data - Eu não tenho isso aqui não. Mas consigo arranjar com meus contatos. Acho que consigo em um dia isso aí.

- Um dia? - Ozob virou-se para o grupo, para ver a reação deles.



Alô criançada

Theme:
avatar
Ozob
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 23
Data de inscrição : 23/12/2017

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Oleg Korolenko em Sex Jan 12, 2018 5:07 pm

Rexus e Oleg olharam diretamente para Silvana, que suspirou e revirou os olhos por trás dos oculinhos redondos.

— Minha empresa investe muito em trabalhadores independentes como o senhor. — ele disse, tirando um pequeno PDA do bolso. — Qual é o seu B.I.O.S. mesmo? 

O BIOS podia ser usado para identificação, além de ser um número único para efetuar pagamentos em unidades, etc.




All cats are grey in the dark. 
avatar
Oleg Korolenko
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 22
Data de inscrição : 30/12/2017
Localização : Longe demais pra você ver.

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Ozob em Sex Jan 12, 2018 5:42 pm

Data, finalmente olhando para Silvana, surpreendeu-se em ver o homem ali. Até então ele só havia olhado para Ozob, que era o membro do grupo que mais chamava atenção, com Durden ficando atrás devido a sua enorme armadura. Porém, ao ver um homem como ele ali, ficou extremamente assustado. Eram raras as vezes que pessoas do escalão de Silvana desciam até a Cidade Baixa e isso raramente traziam coisas boas. Por fim, acabou por enumerar seu B.I.O.S para Silvana, assim como o preço do equipamento.

- Eu... tenho um aqui comigo. Na verdade eu só precisava de mais tempo para garantir que nossa... transação, não seria rastreada. Mas, já que precisam disso tão urgentemente.


Data foi para mais dentro da casa e logo o barulho de metal atingindo o chão começou a ressoar pelo local, conforme ele buscava o equipamento em questão, provavelmente escondido em alguma caixa ou compartimento do homem, uma vez que aquilo era algo extremamente raro e valioso. Ele retornou com o equipamento em mãos ( vou deixar para você decidir como ele vai ser :p ) e o colocou nas mãos de Silvana.

- É esse aí.



Alô criançada

Theme:
avatar
Ozob
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 23
Data de inscrição : 23/12/2017

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Oleg Korolenko em Sex Jan 12, 2018 6:43 pm

Silvana pegou a maleta das mãos de Data e usou uma das superfícies do local para abrir e checar o material. Alguns químicos estavam em grandes frascos conectados a um pad eletrônico com alguns botões. Havia ali o suficiente para alguns dos membros, mas Silvana com certeza conseguiria mais de seus laboratórios. Os óculos de Silvana ocultaram o quanto os olhos dele brilharam ao ver aquilo. As lendas eram reais. 

— Parece que está tudo certo. — ele estenderia a mão para Data, mas as regras de higiene naquele tempo eram mais rígidas, então ele se limitou a fazer uma reverência japonesa. — Yoroshiku onerai shimasu. 

Oleg imediatamente sussurrou algo para Ozob, segurando o riso. 

— Isso me traz lembranças.




All cats are grey in the dark. 
avatar
Oleg Korolenko
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 22
Data de inscrição : 30/12/2017
Localização : Longe demais pra você ver.

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Ozob em Sex Jan 12, 2018 7:10 pm

De fato, apenas pelas lendas serem reais fazia com que todos ali ficassem ainda mais interessados naquilo, principalmente Andrew que assistira toda a compra em silêncio, apenas na expectativa de poder ver aquilo. Eles certamente poderiam conseguir completar aquele trabalho facilmente com aquilo, por mais que não soubessem exatamente quem era Klint, e isso não era um problema fazia parte do trabalho, eles tinham a impressão de que não era uma boa ideia irritar aquele homem.

- Tiscasgôrogôro - Disse Ozob, em um sotaque japonês forçado.

- Vamos manter o respeito e a cortesia - Murmurou Andrew, que mais queria era rir daquela lembrança. Apesar de ele ser o foco da chacota.

- Eu estou acostumado - Falou Data, apenas virando-se e voltando para mais dentro de sua casa.

- Bom, ''simbora'' galera que tá ficando tarde, tá quase na hora da novela - Falou o replicante, dando uma pequena risada no processo.



Alô criançada

Theme:
avatar
Ozob
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 23
Data de inscrição : 23/12/2017

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Oleg Korolenko em Sex Jan 12, 2018 8:27 pm

— Certo, vamo nessa. — Silvana disse, e esperou até que estivessem do lado de fora para comentar. 

— Com isso aqui a gente consegue colocar quatro de nós dentro do sonho do cara. Não há tempo pra pedir mais fluido. Os outros dois vão ter que ficar aqui fora de vigia e observando os níveis de todos nós. 

— Me disponibilizo a ficar. — Rexus ofereceu. — Seria interessante ter alguém da área médica aqui fora também não acha? 

Silvana não ficou feliz em abrir mão de seu lugar, mas sabia que Rexus tinha razão. 

— Certo. Agora precisamos nos dividir. Parte de nós tem que preparar tudo enquanto a outra parte cuida da vítima. 

— Como vamos sequestrrrar ele em tão pouco tempo e com pouco planejamento? — Oleg questionou. 

— Não vamos. As ondas mentais dele podem ser transmitidas, se pudermos colocar os agentes certos em sua corrente sanguínea. Uma tecnologia que usa esse tipo de transmissor e é extremamente acessível é... 

— A injeção de nanorobôs. — Rexus completou. — Brilhante, Silvana. 

— Nem tanto. — O outro disse, modestamente. 

— Dentre nós, os que melhor se infiltrrrrariam na casa do homem seriam Andrrrew e Rrrrexus. O que acha, Andrrrew?




All cats are grey in the dark. 
avatar
Oleg Korolenko
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 22
Data de inscrição : 30/12/2017
Localização : Longe demais pra você ver.

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Ozob em Sex Jan 12, 2018 8:45 pm

- Claro, posso fazer isso - Disse Andrew, com um tom de voz extremamente cansado. 

- Então, quando nós formos se infiltrar na mente dele, como que isso vai funcionar? Porque entrar lá sem ideia do que vamos ver ou fazer é foda - Perguntou Ozob, cruzando seus braços e encostando-se em sua moto - Seguinte, vamos parar de discutir isso na rua, ''tamo garotiando '' aqui caralho. Bora lá pro meu cafofo e conversamos sobre isso melhor.

O cafofo de Ozob era um pouco distante dali, mas com os veículos que possuíam e os atalhos que o próprio replicante conhecia, deveriam chegar lá em poucos minutos o que dava tempo para o resto do planejamento acontecer.



Alô criançada

Theme:
avatar
Ozob
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 23
Data de inscrição : 23/12/2017

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Oleg Korolenko em Sex Jan 12, 2018 8:54 pm

— Concorrrdo. — Oleg falou, e dentro de pouco tempo todos estavam a caminho da área residencial do Distrito 8




All cats are grey in the dark. 
avatar
Oleg Korolenko
Recém-chegado
Recém-chegado

Mensagens : 22
Data de inscrição : 30/12/2017
Localização : Longe demais pra você ver.

B.I.O.S.
HP:
200/200  (200/200)
MP:
200/200  (200/200)

Ver perfil do usuário

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Cérebro Vazante

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum